ANAÍ ROSA ATRACA GERALDO PEREIRA

2018
Selo Sesc
Dezembro

O sambista Geraldo Pereira completaria 100 anos em 2018, se não tivesse falecido precocemente na década de 1950, aos 37 anos. Mesmo assim, com pouco tempo de vida, deixou sua marca na história da música brasileira tornando-se o principal expoente do samba sincopado, um estilo diferente do samba enraizado nos morros, marcado por melodias complexas e ritmo quebrado. O Selo Sesc rememora o legado do sambista na voz inconvencional da cantora Anaí Rosa, com arranjos inovadores que trazem o frescor das sonoridades contemporâneas.

O projeto gráfico da casaplanta buscou inspiração nas cores da Mangueira, subvertendo-as em tons mais quentes e tensos, e trabalhou com transparências para dar cara a esse disco nada tradicional. A brincadeira tipográfica do nome na vertical insinua uma Anaí pronta para devorar Geraldo com a grande boca “A”.

cenografia para show identidade visual
assistir no youtube

Imagens Material Gráfico – Lauro Rocha